quarta-feira, 19 de outubro de 2011

E o noivo vai como?? Parte 2

RUN FOR YOU LIFE!---------------


IMPORTANTÍSSIMO: beleza que estamos falando aqui da sua individualidade e tal, mas sou contra isso de sair dando bicuda na opinião de todo mundo. Porque sua noiva tem que te achar bonito, tem que te olhar e falar taí meu homem, tai meu boy magia e é pensando nisso que ninguém aqui vai fazer a sacanagem de escolher um lance que não tem nada a ver, que vai fazê-la chorar, encher a cara de cachaça das frustrações e se apegar num pole dance com as pilastras da igreja cantando aquela do Radiohead: you had to piss on our parade.
Acordo e bom senso não é verdade?

É certo que isso vai de cada casal. Cada casal conhece sua dinâmica, sabe até onde pode ir com o outro, até que ponto pode ceder, em que termos as negociações são feitas e isso é sempre único e insondável; só o casal sabe. Só acho, e me perdoem o tom pedagógico-cagador-de-regra) obviamente legal que tudo seja bem conversado e esclarecido antes pra não dar merda no dia porque, acreditem, taí um momento na vida das pessoas onde pequenas coisas podem provocar merdas cataclísmicas.

Sobre acessórios, o que tem pra dizer é o seguinte: é possível e é divertido. Seja pro dia do casamento em si ou seja pra festa, pra depois cês fazerem umas brincadeiras. Ludicidade e diversão devem ser a chave. No fim, o que ficam são esses momentos tolos, simples e clichês, construídos em cima de pequenos detalhes e de pequenas delicadezas.

O casamento pode soar como um momento ridículo pra maioria dos homens, digo, o circo do casamento e isso é muito compreensível. Vocês são deixados de fora, o casamento é da mulher, isso é fato. É ela quem tá sendo entregue (antropologicamente falando) mas vocês são os recebedores, e o ritual de passagem é pros dois, não é um ritual só de 1, muito pelo contrário, é social e familiar, é poderoso e até doloroso. A vida do homem é também profundamente afetada por essa nova condição jurídica, por essa nova mulher, por essa superexposição circense. Enfim.. quero dizer pra enjoy, enjoy galera porque amar é clichê e dá vergonha mesmo. Se tá no inferno, abraça o capeta, pega um chapéu bacana, faz o Bogart e vai ser feliz.


Objetividade: what the fuck do i wear?
Chapéu
Cara, todo cuidado é pouco na hora de acrescentar chapéu à roupa. Nem todo chapéu tem a ver com casamento, nem todo chapéu harmoniza com o resto do traje. Então não inventa, PROCURE ALGUÉM QUE ENTENDA MINIMAMENTE DO ASSUNTO, coloque a roupa e o chapéu e pergunte: tá legal Y/N? Cada corte de roupa remete a uma época e a um estilo/tendência, a mesma coisa acontece com os chapéus (formatos, materiais, cores). Agora, se você entende e já tá escolhido o boné do AC/DC então é contigo, sustenta. Na verdade, o acessório mais importante de todos é o carão.

Gravata
Nunca! Nunca use daquelas gravatas com nó pronto!! Não é ditadura da moda nem to sendo Glorinha Kalil, é só uma questão de pelo amor de deus, gravata de nó feito é pra usar no carnaval, é coisa de garçom cansado. Só não vou dizer que o mesmo vale pras gravatas borboleta porque quase ninguém sabe dar aquele nó, mas dê sempre preferência pelas gravatas de verdade, não às gambiarras. As gravatas sem nó (borboleta ou não) são mais encorpadas, são feitas de melhor tecido e possuem um acabamento milhões de vezes superior.

Suspensório
Suspensório de verdade, a preços cristãos, só em brechós. De verdade, porque aqueles que prendem com grampos, sabem, são pra ocasiões informais, é pra quando você for um tiozão tranquilo morador de Sampaio Corrêa e for pra praça jogar seu gamão de domingo com o jornal debaixo do braço, não é pra solenidade casamentística. Infelizmente não é fácil achar. O Rafa conseguiu emprestado o dele com uma amiga figurinista, é daqueles que prendem dentro da calça com botões. Ok, se não tiver jeito, use o de grampos, mas tenta achar o do grampo preto. Aliás, os de grampo não costumam ter umas estampas legais, isso eu não sei dizer porque.. Um lugar onde se encontram suspensórios (de grampo) a preços delícia é na Mr. Fortune; há várias lojas espalhadas pelo Rio, mas eles não tem site, não tenho como consultar gente...

Colete
Na Renner tem coletes!! Só atenção pro tecido e, pela milésima vez, para o ajuste, para o acabamento. Compra na Renner, compra na C&A, mas vai num alfaiate e ajusta porque coisa mais triste você aparecer no seu casamento vestido de Luan Santana. Aliás, você tem homens-exemplo?
Sapatos
A escolha do sapato masculino é uma quebra de paradigmas! É dificílimo! Se o cara é da turma do adidas e do allstar então a coisa complica na hora de se meter num sapato de verdade. Olha, pros homens que só usaram sapatos sociais no dia do bar mitzva e nunca mais, meu único conselho viável é se embrenhar nessas sapatarias antigas que fabricam calçados. Não que você vá comprar um sapato lá, mas os vendedores dessas raríssimas lojas são homens sábios de absurda experiência que com certeza ficarão contentes em ajudar (principalmente se você comprar). Dão dicas de formatos e proporção olhando pra você, pro seu modo de andar, pro tamanho da sua cabeça, pra tudo. Pros meninos do Rio, não há lugar melhor que aquelas sapatarias da Marechal Floriano. Os caras chegam a te emocionar, é muito macho e bonito tudo.

Quem for optar pelo tênis mesmo, só é importante estar atento à textura e ao formato da calça, bem como o comprimento da mesma. O converse pede uma calça mais justa no corpo e a consequencia vai ser um lance meio banda britânica. A lapela faz toda diferença pra compor o visual, dá um contraste muito doce. Mas se quiser calça mais larguinha pode também, sei lá teu gosto. Mas aí poe um cinto legal pra equilibrar.

Lugares
Tentando ajudar o Rafa e aos meus padrinhos, encontrei muitas lojas interessantes onde dá pra achar acessórios, roupas e serviços. Também acho qeu vale muito a pena dar uma catada no guarda roupa do seu tio, do seu pai.. nos anos 60 e 70 os homens eram muito mais antenados, verdade seja dita. Ok, menos o Gabeira de sunga de crochê.

TNG - É uma loja legal. Dá uma passada, olha as coisas. Eles tem traje passeio completo à preços módicos (trezentos paus tá bom, não tá?) e oferecem alfaiate que ajusta tudo no seu corpo a preços mais módicos ainda. Mas vai com antecendência fazer isso porque se não o máximo que eles dão é um vale desconto pra você ir ajustar a roupa em costureiras afiliadas. Tem muita peça que não se acha fácil, tipo gravata slim estilo Pulp Fiction, sabe? Não é barato, mas vale a pena. Eles também tem uns cardigans show de bola.

RICHARDS - A Richards me lembra a TV Macho "é roupa pra homem, mas pra homem que se garante". Eles têm uma pegada muito ousada e arrojada, mas se a ideia é vestir um noivo porque eles não são especializados nisso, eles sao mais estilo festa no iate. É preciso combinar as peças com outros elementos (como blazers e gravatas) pra que elas fiquem com cara de casamento. Especialmente as camisas com textura me chama a atenção, são muito século XXI. Pode preparar o bolso e o coração pros preços, mas com certeza tudo lá dá pra usar depois na vida. Ah tá, mas se você for casar na praia, manda ver!

EMPÓRIO DO HOMEM - Esta só tem no Rio. Acessórios e ternos a precinhos convidativos!

ATACADÃO DAS GRAVATAS - Também é do Rio, mas tenho quase certeza de que vem tudo de São Paulo. Eles têm um acervo absurdo de gravatas, mas a melhor época pra comprar é próximo do carnaval, quando eles enchem os estoques. Fica num sobrado insuspeito, R. Buenos Aires 243.

MR O'BAY- ChapeúChapeúChapeúChapeúChapeú. Tem tanto chapéu que você vai passar mal. É chapéu coco, cartola, panamá (de várias espécies e cores). Não é barato! O preço é preço de chapéu bom. Mas, olha só, vê aí quanto tua mulher tá gastando no vestido e se pergunta: ela pode gastar três mil só no vestido mas você é obrigado a usar chapéu de borracha da Antártica? Zueira isso aí. Mas, olha só, eu só vi esse acervo legal na OBorn da Saara, na outras não. Também tem outros acessórios que dão pra usar na festa, sei lá, pra você fazer um tipo, uma bossa-nova.

panorama contemporâneo e/ou cool-------------

panorama tradicionalzão e/ou clássico-------------------



noivos steampunk: coisa linda

fã de Motörhead?


4 comentários:

lika.luciana disse...

adoro seus textos... ri muito com o colete Luan Santana

Fran Huesa disse...

Adorei a foto do noivo com o tenis com a sola laranja, pq meu noivo tem um igual, se não é o mesmo...

bjos

http://respireecase.blogspot.com/

Luana Feitosa disse...

Adorei o post, meu noivo deve usar terno. Agora falta decidir se será com ou sem colete. Muito boa a dica do colete, estou morrendo de rir.Bjss

melodiario disse...

PQP maidiar, eu devia ter lido esse post há uns bons 2 meses. Estou no corredor na morte e já tá tudo decidido. Não cometi nenhuma atrocidade, mas essas infos aqui me ajudariam muito (especialmente no quesito sapato)

Bjs

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...